sol nascente manha matinaltextos traduzidos de Sri Chinmoy

A meditação matinal diária é a parte mais importante do nosso dia, se buscamos uma vida normal e natural. Seguem alguns trechos de conversas de Sri Chinmoy com buscadores.


Se quiser aprender meditação, comece aqui.

Se estiver procurando temas para meditações matinais, no sentido de reflexões, acesse os blogs que fizemos com meditações diárias


Meditação matinal todos os dias

Outra coisa que você deve fazer é meditar todos os dias sem falta. De manhã cedo é o melhor horário, antes do amanhecer. Cada dia começa com uma nova luz, uma nova esperança. Uma nova vida está entrando em nós a cada manhã. Assim, a meditação matinal é indispensável para qualquer um que gostaria de seguir um caminho espiritual.

       Perfection and Transcendence, p. 44-47

Aspiração e meditação matinal diária

De manhã cedo, ao começar a meditar, tente sentir por um minuto que hoje você será capaz de se sustentar sem comer nem um pedaço de comida, sem beber nem mesmo um copo d’água. Sinta que, sem comer nem beber nada, será capaz de sobreviver por um dia, ou até mesmo por uma semana. Mas precisa sentir que, se não aspirar bem, se não meditar bem, então ao anoitecer a morte virá e vai capturá-lo. Essa morte significa a destruição da sua aspiração, não a morte física. A aniquilação vai capturar sua aspiração se você não meditar bem. Se encarar sua meditação matinal com bastante seriedade, automaticamente sua aspiração vai permanecer elevada. Sempre dê à aspiração o devido valor. Assim, um tremendo poder vai vir de você mesmo. O que determina sua vida ou sua morte é sua aspiração, e não seu alimento material. Precisa sentir que essa qualidade é responsável pela sua evolução terrena e sua conquista celestial. Quando está faltando aspiração, você não existe. Ela é a única realidade da sua vida. Com esse sentimento, automaticamente será capaz de manter sua mais alta aspiração 24 horas por dia.

Aspiration-Flames, p. 60-63

sol poente manha matinalMeditação matinal diária e disciplina

Vamos tomar a disciplina como um músculo. Não podemos desenvolver músculos muitíssimo poderosos da noite para o dia. Devagar e aos poucos temos de desenvolvê-los. Primeiro, você deve saber por quantos minutos consegue meditar. Se consegue meditar por cinco minutos, significa que nesses cinco minutos você está se disciplinando. De manhã cedo, enquanto seus amigos e seus familiares ainda estão no mundo do sono, se você se levanta para rezar e meditar por cinco minutos, está se disciplinando.

Como você pode aumentar a sua disciplina? O jeito mais fácil é desenvolver uma sede verdadeira, um choro interior, pelos frutos da disciplina. Você pode fazer isso vendo o que acontece quando leva uma vida disciplinada e quando não leva uma vida disciplinada. Você mesmo tem de ser o juiz. Ao se levantar às cinco ou seis horas e meditar por quinze minutos ou meia hora, você se sente extremamente bem. Você sente que o mundo inteiro é belo. Você ama a todos e todos o amam. A criação de Deus é todo amor por você. Porque você se levantou e meditou por alguns minutos, está inundado com bons pensamentos. Cada pensamento é um mundo em si mesmo. A realidade diária que vemos à nossa volta não é o único mundo. Existem muitos mundos. Por ter se levantado e meditado, você está correndo, saltando e voando nos mundos de bons pensamentos, da beleza, da alegria, da paz e da luz.

Mas no dia em que não se levanta cedo para meditar, você odeia o mundo, odeia a si mesmo, e sente que todo o mundo o odeia. Portanto, você mesmo pode ver a diferença. Não é que você nunca tenha meditado de manhã cedo. Os resultados positivos você já teve várias, várias vezes. Muitas vezes você meditou e muitas vezes não meditou. Você sabe o resultado de cada um. Se for esperto, se for sábio, as boas coisas você vai repetir sempre e as coisas ruins você vai evitar.

Se você está achando difícil disciplinar-se para fazer alguma coisa, veja o resultado. Se você subir em uma árvore, conseguirá frutas muitíssimo deliciosas. Se não subir, não conseguirá as frutas. Você vê que, quando alguém é disciplinado, pode subir e apanhar a manga mais deliciosa e comê-la até se encher. Se você se disciplinar, também poderá fazer o mesmo. Desse jeito conseguirá uma tremenda satisfação. Ao pensar nessa satisfação, você pode facilmente se disciplinar. Não há outra maneira.

Você está vendo pessoas à sua volta que estão chafurdando nos prazeres da preguiça. Existem muitas no barco-preguiça. Mas você pode dizer: “Não, não quero mais ficar nesse barco. Quero ter um novo barco, o barco que navegará em direção à Margem Dourada, em direção à Meta”. Depende de você. Você pode facilmente se disciplinar lembrando-se da alegria que consegue quando se disciplina e da infelicidade que tem quando não age assim.

What I Need From God, p. 20-23

Entregando o que temos

Quando fizer a sua meditação matinal, se o sono não o estiver perturbando e se você não tiver acumulado nenhum lixo mental durante a noite, pode ser que não haja nada de não-divino para me dar. Nessa hora, você pode entrar em mim com alegria, amor, paz e todas as qualidades divinas. Quando faz isso, é como uma criança com o seu próprio pai. O filho vem ao pai com muita alegria para dar a ele um centavo que encontrou na rua. A criança poderia ter usado o dinheiro para comprar um doce. Ao invés disso, sentiu a necessidade de dá-lo ao pai. O pai fica tão feliz pelo seu filho ter lhe dado a sua única posse que ele lhe dá um dólar.

Meditation: Man-Perfection in God-Satisfaction, p. 180-181

por do sol manha matinalIntensidade da manhã

Não posso negar a intensidade da manhã. Mas por quanto tempo você a mantém? Se não pode permanecer meditando por cinco horas, então por quatro horas você tem uma verdadeira folga, um relaxamento. Tivemos recentemente uma meditação de sete horas. De sete horas, alguns não conseguiram meditar por sete minutos. Estavam colados em suas cadeiras, mas pensavam no café da manhã ou em todo o tipo de coisas divinas. Na hora, vocês pensam que eles estão meditando por sete horas, mas vocês não têm uma visão oculta. Eles e elas estão pensando no café da manhã, nos namorados, nas namoradas. Mas quando vocês olham para eles, sentem que são pessoas muitíssimo devotadas. Vocês dizem: “Como eu gostaria de ser assim”. Mas o que está na mente deles, só Deus sabe. Uma vez, algumas mulheres mais velhas se levantaram para meditar. O público ficou muito comovido. Nunca tinha visto mulheres mais velhas meditando tão bem. Mas o que se passava pela mente delas? O café da manhã de amanhã ou como agradariam a seus maridos e como iriam se vestir. Mas todo mundo achou que elas meditaram muito bem por causa da aparência delas.

Perseverance and Aspiration, p. 4-6

Ao meditar de manhã cedo – exercício

“Unidos, prosseguimos. Separados, caímos”. Se tivermos esse tipo de vontade, nossa missão será realmente efetivada. Como podemos cultivar esse sentimento de unicidade? De manhã cedo, ao meditarmos, temos de sentir que somos um rio. A natureza de um rio é entrar na fonte. De manhã, ao meio-dia e ao anoitecer ele está constantemente fluindo em direção ao mar. Se pudermos sentir isso, facilmente conseguiremos cultivar o sentimento de unicidade.

Surrender and Realisation, p. 27-28

Meditando pela manhã

Play video